quinta-feira, 28 de abril de 2016

Desabafo


A vida é complicada e nas coisas verdadeiramente importantes não nos dá margem para manobras. 

O nosso livre arbítrio termina onde a vida acontece, e todos os nossos planos são barquinhos de papel se o rio da vida decidir correr para o outro lado. Somos inocentes por vezes ao pensar que planeamos desta ou de outra maneira porque esta ou outra coisa calhava mesmo bem nesta ou noutro altura da vida. Mas quem somos nós para fazer a agenda da vida, se a vida tem ela própria a sua agenda. Pelo menos nas coisas realmente importantes.

É uma lição de humildade que aprendemos sozinhos, estas rasteiras que a vida passa, quando pensamos "mas agora vinha mesmo a calhar, está tudo alinhado para que aconteça". E a vida responde que há-de acontecer quando e se ela bem entender e se não vier nada a calhar, mais interessante ainda para ela. 

1 comentário: