Mostrar mensagens com a etiqueta Blogosfera. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta Blogosfera. Mostrar todas as mensagens

terça-feira, 8 de novembro de 2016

Blue Olive

Print da homepage do blog Blue Olive

Durante quase dez anos trabalhei para uma empresa da Media Capital, ali paredes meias com a TVI, onde trabalhavam também o André e a Carolina. Trabalhei algumas vezes, nomeadamente com ele, mas nas reuniões que fizemos não lhe adivinhava a vontade de estar fora dali, em aventuras maiores do que aquela. 

Até que um dia, já depois de ter saído de lá,  ouvi o André e a Carolina no rádio a falar sobre a nova aventura que os esperava: oito meses a viajar em família relatados num blog.   
Chamou-me a atenção o facto de dizerem que algumas pessoas os desencorajavam por conta da escola da filha mais velha, que em vez de frequentar o terceiro ano escolar convencional, vai ser ensinada pela própria mãe durante a viagem. Ora há lá melhor escola que a vida, o mundo, as realidades diferentes que aquelas crianças nunca poderiam experiênciar de outra maneira? 

Fiquei curiosa e a torcer por eles, por isso tenho acompanhado as suas aventuras por esse mundo fora no seu blog Blue Olive

E recomendo vivamente que façam o mesmo, quer concordem com o estilo de vida deles, ou não! 

quinta-feira, 7 de abril de 2016

Mini-Mi Fashion Week


É já este fim-de-semana nas fábricas L e XL do LXFactory que acontece a primeira "semana da moda" para os mais pequenos - A Mini-Mi Fashion Week

sexta-feira, 18 de março de 2016

Para o Dia do Pai, os meus cinco "Daddy blogs" favoritos

Amanhã é dia do Pai, e por aqui já temos uma prendinha para o pai comprada (a regra é ser algo que possam fazer a dois), e todo um alinhamento do dia especial que vamos ter, com ida ao cinema, almoço no avô, etc.

Mas lembrei-me que neste Dia do Pai seria interessante relembrar a perspectiva masculina da vida em familia. Afinal, todas lemos blogs de maternidade. Aposto que conhecem todas, ou muitas, mommy bloggers. Mas neste dia, em particular, perguntei-me, então e os pais? 

Fui procurar, e eles não só existem, como os blogs deles são tão bons ou melhores do que os das mães. E afinal, porque não seriam, não é verdade? 

Vamos espreitar?